quinta-feira, 21 de junho de 2007

OLHA NOSSO PAPO AQUI, ELIAS.

- Elias, onde vai passar o São João? Aqui a cidade já começou a ficar vazia. Todo mundo tá indo pra algum lugar, uma cidadezinha do interior.
- Recebi um convite, para uma festa na roça, num sítio, mas vou deixar para dizer não no último momento.
- Ué, e por quê vai fazer essa maldade?
- Sei lá, não tô muito afim, mas se eu disser isso, o cara vai ficar me enchendo.
- Rsrs... sei como é. Eu fico super angustiado. Não gosto de festas juninas, alias, acho que não gosto de muita coisa. Mas não me entendo definitivamente. Se vou, acabo me arrependendo. Se não vou, fico aborrecido porque sei que todos estão em algum lugar se divertindo. Doido, né?
- Mas no meu caso, é que o cara tá afim de me pegar, entendeu? Metade de mim, quer isso mas, a outra metade não. E confio mais na segunda metade.
- A metade que não quer?
- Sim. Ela é mais sensata.
- Hum. Sei como é. Mas nem sempre é bom ser sensato, né?
- Às vezes é uma questão de sobrevivência. O q vc tá ouvindo?
- Mariah Carey. Aeaheuhaue.... e vc?
- Argh. Tô ouvindo New Order. Vc não acha que ela grita muito?
- Mas é que tá tocando no rádio. Não querendo me justificar, porque até gosto mesmo. Pelo menos do último CD. Achei bem legal. Ah, eu sou muito eclético, gosto de muita bagaceira também. Dependendo do meu estado de espírito. Nossa, é impressionante como a gente fica condicionado a escrever errado no msn. Putz. Fico o tempo todo corrigindo as palavras.
- Vc vai ter q corrigir o q estou escrevendo então...kkkkkkkk. Me fala da sua primeira paixão.
- Minha primeira paixão ou meu primeiro amor?
- Paixão.
- Ihhhh... queria falar sobre isso não, sabe. Sei lá. Tou num momento onde as coisas estão se confundindo muito na minha cabeça. Deixa eu perguntar agora. Você já pensou em escrever um livro? Com seus poemas e tal?
- Sim, acabei de ser rejeitado pela editora Objetiva. Kkkkkkkk.
- Mesmo?
- Um dia eles vão se arrepender e me pedir de joelhos. Enviei uns originais, e ele me responderam q não estão interessados "nessa area".
- Hum. E você ficou triste?
- Um pouco, mas já me recuperei. Kkkkkkkkk. Tb tenho outro projeto, mas não vou oferecer a eles não. Sou rancoroso.
- Deixa eu te contar, eu tô escrevendo um livro.
- Um romance?
- Sim. Comecei por partes distintas... depois vou amarrar tudo. Mas é um processo lento, sem grandes pretensões. Acho que vai ficar legal.
- E como são os personagens?
- Ah, não vou dizer agora, né? Senão perde a graça. Você vai ser uma das primeiras pessoas para quem eu vou mostrar quando ficar pronto. Só não espere que seja logo. Rsrsr...
- Já estou ansioso.

4 comentários:

Elias Vasconcelos disse...

Sempre achei vc meio maluco,agora acho por inteiro.O cosmos acertou pela primeira vez colocando vc em meu caminho,meu amigo.kkkkkkk.Agora vou ter q aceitar a droga do convite p a festa na roça.

Nai disse...

Quero ler esse livro um dia!
=D
hehehehehe
e... Viva São João!

Analice disse...

Bom...não entendi muito bem o contexto, porque acho que isso é um fato real e eu não conheço o Elias! hahaha Mas gostei do diálogo. Diálogos inteligentes sempre prendem a atenção da gente. E esse me prendeu. Adorei! Beijo grande,

Anônimo disse...

Pq não falow do primeiro amor?!